sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Imagine Belieber – 24º capitulo.




Eu fui até o quarto do Leo e ele não estava lá. Eu não acredito que ele saiu sem me avisar, eu sei 
que ele é mais velho que eu, mas ele não pode sair sem me avisar.

Jas: ele não falou pra onde ia? – ela perguntou assim que nós saímos do quarto dele.

Amanda: não, ele não falou nada – eu disse fechando a porta.

Cait: espero que ele esteja bem – ela disse preocupada.

Amanda: eu também – eu disse triste.

Nós voltamos para o quarto do Justin, e dessa vez meu filho não saiu do quarto, ainda bem.

Justin: acharam ele? – ele perguntou assim que nós entramos no quarto.

Amanda: não – eu disse triste e me sentei na Cama.

Justin: não fica assim, logo ele aparece, eu tenho certeza – ele se sentou na cama e me abraçou.

Amanda: espero que sim – eu disse interando minha cabeça em céu pescoço, e fiquei sentindo seu perfume.

Eu estava muito preocupada, ele anda meio estranho, ela sai e não diz a onde vai, as vezes volta bêbado pra casa, eu não  quero nem imaginar o que pode esta acontecendo.

{Narração de Leonardo}

Eu tinha ido com o pessoal pra praia, mas estava muito chato lá, então eu fui dar uma volta pra ver se encontrava alguma gata. Eu avistei uma de longe e ela estava me olhando também. Eu percebi que ela estava sozinha então resolvi ir até ela.

Leo: oi gata – eu disse sentando ao seu lado no chão.

Gata: oi – ela sorriu.

Leo: qual o seu nome? – eu perguntei a encarando.

Gata: meu nome é Miley, e o seu? – ela perguntou me encarando também.

Leo: meu nome é Leonardo, mas pode me chamar de Leo – eu sorri.

Miley: então Leo você não esta a fim de ir ao meu apartamento, pra nós trocarmos algumas caricias – ela disse com uma voz sexy, e eu já estava ficando excitado.

Leo: demoro – eu disse levantando e logo em seguido ela levantou também.

Ela pegou as coisas dela e nós fomos para o apartamento. Nós entramos e eu já fui a beijando, ela largou a bolsa no chão e nós fomos indo para o quarto dela. Chegando lá eu comecei a beija - lá com mais desejo. Eu tirei as roupas dela, só a deixando de sutiã e calcinha, ela fez o mesmo comigo. Eu a deitei na cama e tirei seu sutiã e o jogando em algum canto do quarto. Eu a beijava e massageava seus seios ao mesmo tempo. Eu já estava explodindo de tanto prazer. Ela tirou minha cueca e eu tirei sua calcinha, eu peguei uma camisinha na minha carteira, eu abria camisinha e dei para ela colocar, e ela o fez, logo depois eu a puxei para deitar novamente e a penetrei com muita força, a fazendo gemer.

Miley: awwn vai Leo mete mais, awwn – ela gemeu me deixando ainda mais excitado.

Leo: isso gostosa geme meu nome – eu disse em seu ouvido e ela gemeu.

Eu a penetrava com toda minha força, e ela gemia cada vez mais auto. Depois de um tempo, nós dois chegamos ao limite do nosso prazer e gozamos juntos.

Miley: nossa! – ela disse ainda ofegante – eu nunca... Senti tanto prazer... Assim na minha vida – Ela disse entre os suspiros.

Leo: eu digo o mesmo - eu disse e logo em seguida a beijei – vamos tomar um banho – eu disse levantando e a pegado no colo.

Miley: vamos sim – ela sorriu e me beijou.

Nós entramos no banheiro, eu ainda estava com ela no meu colo, ela me dava beijos muito hots e eu já estava ficando excitado de novo. Eu a coloquei sentada na pia do banheiro e disse para ela me espera ali, eu voltei no quarto e peguei outra camisinha, eu coloquei e voltei pro banheiro. Eu abri as pernas dela e já fui a penetrando com muita força, e ela ficava gemendo no meu ouvido e isso me deixava doido. Eu ficava falando coisas pervertidas para ela e ela fazia o mesmo. Depois de um tempo naquela posição eu coloquei ela no chão e a virei de costas e fui penetrando com muita força. Nós ficamos assim mais um pouco e logo depois chegamos ao orgasmo.

Nós fomos para de baixo do chuveiro e ficamos lá nos beijando. Depois do ‘’banho’’ nós nos vestimos e ficamos assistindo TV já que ainda estava cedo e ela pediu para que eu ficasse mais um pouco.

Leo: você mora aqui sozinha? – eu perguntei a olhando.

Miley: não – ela disse sorrindo – eu tenho namorando, mas ele fica o dia todo fora, às vezes eu trago alguns rapazes aqui para eu me divertir um pouco – ela disse logo depois me beijou.

Nossa que vadia, eu pensei. Mas até que ela não é de se jogar fora. 

Leo: já que você tem namorado é melhor eu ir antes que ele chegue, não estou a fim de arranjar encrenca – eu disse levantando.

Miley: fica mais um pouquinho, ele só chegar à noite – ele disse levantando e colocando suas mãos em volta do meu pescoço – se você quiser nós podemos fazer mais sexo, eu to doidinha pra ter você dentro de mim de novo – ela disse abrindo o zíper da minha calça e colocando a mão dentro da minha cueca.

Leo: wow – eu disse assim que ela encostou em meu membro – awwn assim, vai gostosa, awwn – eu disse gemendo enquanto ela fazia movimentos de vai e vem.

Miley: vem pra cama – ela disse tirando a mão de dentro da minha cueca e me puxou pra cama - vem gostoso – ela disse me empurrando pra cama e me beijando.

XxXx: o que é isso? – nós ouvimos alguém dizer.

Nós levantamos assustados e olhamos para a porta do quarto onde tinha um menino nós olhando com raiva, provavelmente é o namorado dela.

Miley: Logan! – ela disse surpresa.

Logan: sua vadia, eu não acredito que estava me traindo! Eu te dou tudo e é assim que você retribui – ele disse vindo na direção dela e dando um tapa no rosto dela – VADIA – ele gritou.

Leo: hey cara não bate nela seu idiota – eu disse o empurrando.

Logan: quem você pensa que é pra dizer o que eu devo ou não fazer com essa vadia?! – ele disse e me deu um soco no rosto me fazendo cair no chão.

Eu me levantei e fui pra cima dele revidando o soco que ele me deu. Eu o joguei no chão e fui dando vários socos em sua barriga. Ele em um movimento rápido ficou por cima de mim e foi dando socos no meu rosto e na minha barriga.

Miley: PARA LOGAN – ela disse gritando e tentando tirar ele de cima de mim.

Logan: sai vadia – ele disse saindo de cima de mim e a empurrando, a fazendo cair na cama.

Ele foi pra cima dela e ficou batendo nela e ela chorava e gritava.

Leo: seu covarde, para de bater nela idiota – eu disse o pegando e jogando no chão – vagabundo – eu disse chutando sua barriga – covarde – eu disse chutando suas partes e ele gemeu de dor – vem, vamos embora daqui – eu disse pegando na mão da Miley e saindo do quarto.

Miley: o que vai ser de mim agora, eu não tenho pra onde ir – ela disse chorando.

Leo: eu posso te levar para o hotel onde eu estou, você pode ficar lá até achar outro lugar par 
mora – eu disse apertando o botão do elevador.

Miley: muito obrigado Leo, eu não sei o que seria de mim sem você – ela me abraçou chorando.

Leo: não chora, vai ficar tudo bem.

Nós saímos do hotel e fomos andando até o hotel onde eu estava hospedado. Quando nós chegamos lá já era de noite. Eu passei o dia todo fora, minha irmã vai me encher o saco 
perguntando onde eu estava e o que tinha acontecido comigo, eu odeio esse interrogatório que ela 
sempre faz.

Eu fui direto pro meu quarto. Eu dei uma blusa minha para a Miley usar pra dormi.

Leo: espero aqui que eu já volto – eu disse saindo do quarto.

Eu fui até o quarto da Amanda pra poder falar com ela e explicar o que tinha acontecido. Eu já fui abrindo a porta e me deparei com uma cena que eu nunca imaginaria ver.

Ai esta, mas um capitulo espero que gostem.
Minhas Beliebers lindas mil desculpas, eu estou me sentindo horrível por não ter postado esse tempão, me desculpem mesmo :(
Comentem, eu quero saber se estão gostando.
Xoxo.

Owwn que lindo os dois, eu iria amar se eles ficassem juntos <3
SWAG!!


Quem sou eu

Minha foto
Uma garota sorridente que acreditas nos sonhos dela, e que é Belieber com muito orgulho.
Tecnologia do Blogger.

Belieber Número

You can replace this text by going to "Layout" and then "Page Elements" section. Edit " About "

Follow by Email

Seguidores