quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Imagine Belieber – 25º capitulo.




{Narração de Amanda}

Eu ainda estava no quarto do Justin com o pessoal, e o Leo ainda não avia chegado. Eu só espero que ele esteja bem.

Amanda: pessoal eu vou levar meu filho lá por quarto, é melhor. E eu acho melhor também vocês irem dormi já ta tarde – eu disse olhando para o Victor que estava na cama do Justin.

Justin: se você quiser eu levo ele pra você – ele disse se levantando.

Amanda: se não for incomodar - eu ri.

Justin: claro que não vai incomodar – ele sorriu e pegou o Victor no colo.

Ryan: então vamos todos dormi, e Amanda se o Leo aparecer você avisa a gente ta? – ele falou abrindo a porta do quarto.

Amanda: ok, eu aviso sim – disse pegando os sapatos do Victor do chão.

Nós saímos e cada um foi para o seu quarto descansar. Quando eu cheguei ao meu eu abri a porta e o Justin entrou com o Victor e o colocou na cama.

Amanda: muito obrigado Justin – eu sorri.

Justin: de nada linda – ele sorriu também – se você quiser eu posso ficar aqui com você até o Leo aparecer, eu sei que você não vai conseguir dormir – ele disse me olhando.

Amanda: não precisa você deve cansado, é melhor você ir descansar – eu disse o encarando.
Justin: não, eu fico. Eu não vou deixar você aqui sozinha, ou quase sozinha – ele olhou pra 
Victor e deu uma risada abafada.

Amanda: tudo bem – eu ri – vem senta aqui – eu disse pegando em sua mão e o puxando até o 
sofá.

Justin: você tento ligar pra ele? – ele perguntou me encarando.

Amanda: sim, eu liguei, mandei mensagem, mas ele não respondeu – eu disse triste e preocupada.

Justin: eu sei que ele esta bem, ele sabe se cuidar – ele disse e me abraçou.

Eu não disse nada.

O abraço dele é tão bom, me passa segurança, me deixa mais tranquila. Eu deitei a cabeça no seu ombro e ele deitou a cabeça dele na minha, é tão bom, mesmo eu estando preocupada e aflita, esse simples gesto dele já me deixa mais calma. Eu levantei a minha cabeça e o encarei, ele me olhou meio espantando, não sei, acho que foi pelo fato de eu ter levantado do nada e ficar o encarando.

Amanda: obrigado por te ficado aqui comigo, nem sei por que, você nem me conhece direito e esta sendo tão bom comigo, esta me ajudando e tudo mais – eu disse meio rápido e Le me olhou sorrindo.

Justin: é eu posso não te conhecer muito bem, mas sei que você é uma ótima pessoa. E não sei se você lembra lá no começo da minha careira, bem no comecinho, quem foi que me ajudou a chegar onde eu estou hoje? Foi você e todas as minhas Beliebers, então eu devo isso a vocês, vocês me ajudaram mesmo não me conhecendo, eu sempre vou esta aqui para ajudar você e todos aqueles que me ajudaram um dia – ele sorriu.

O que ele disse foi perfeito. Nós ficamos nos encarando por um tempo sem falar nada, apenas trocando sorrisos e olhares, ele se aproximou, e eu por impulso me aproximei também, não sei o que esta acontecendo, só sei que eu estou hipnotizada. Ele colou nossas testas e ficou me olhando, depois ele rosou nossos narizes e enfim juntou nossos lábios iniciando um calmo, romântico e doce beijo. Os lábios dele são tão macios. Eu estava nas nuvem, parecia um sonho, um sonho que eu não quero acordar, eu queria ficar ali com ele, mas como nem tudo que queremos pode ser realizado eu tive que me separar dele, e tudo isso por culpa do meu irmão, espera, MEU IRMÃO!

Leo: o que esta acontecendo aqui? – ele perguntou furioso, como se o que eu tivesse feito fosse algo de outro mundo.

Amanda: onde estava? – eu perguntei ignorando sua pergunta tosca, eu me levantando e fui até a porta.

Leo: não vai me responder? – ele disse entrando no quanto e encarou o Justin e depois me encarou com raiva.

Amanda: que eu saiba quem precisa responder alguma coisa aqui é você, onde estava? Vamos Leo responda – eu disse já sem paciência.

Leo: eu estava por ai, e isso também não te interessa, eu sou bem grandinho e já sei cuidar de mim 
mesmo, mas você pelo visto não sabe fazer isso – ele disse irônico e olhou para o Justin e depois saiu do quarto.

Amanda: QUE RAIVA – eu gritei assim que ele saiu.

Ele me tira do serio, eu odeio isso, ele acha que pode mandar em mim e ainda acha que pode ficar andando por ai e depois voltar tarde da noite achar que eu não me importo, que eu não me preocupo, mas ele esta enganado.

Justin: calma – ele disse vindo até mim e me abraçou – ele só esta de cabeça quente – ele disse assim que nos separamos do abraço.

Amanda: eu vou lá falar com ele, ele vai ter que me escutar – eu disse me virando par sair, mas o 

Justin pegou no meu braço – Justin! – eu disse o repreendendo.

Justin: é melhor não, já ta tarde e ele não vai querer falar com você agora. É melhor você espera até amanha – ele disse calmo e soltou o meu braço.

Amanda: tudo bem – eu suspirei – Desculpa por ele ter agido e falando aquilo, desculpa mesmo – eu disse com vergonha, não só por aquilo que o Leo falou, mas também por que nós tínhamos nos beijados, e bem eu não sei o que ele achou do beijo! Eu não sei nem porque eu estou pensando isso, que bestei! Eu devo estar com uma cara de lerda, ou algo do tipo, o que eu faço agora? OMG.

Justin: não precisa se desculpar, a culpa foi minha se eu não tivesse te beijado nada disso teria acontecido, eu que peço desculpas – ele disse meio sem jeito, acho que ele esta com vergonha também, que fofo.

Amanda: tudo bem, foi algo sem pensar, não se preocupe, eu vou falar com ele depois e tudo vai ficar bem – eu sorri e ele retribuiu.

Justin: então...eu vou indo, boa noite – ele disse e logo em seguida depositou um beijo na minha 
bochecha.

Amanda: ok e obrigado, boa noite – eu disse e fechei a portar.

Não estou acreditando no que aconteceu, serio, isso foi mesmo real? Ou foi só mais um daqueles meus sonhos malucos?! Eu estou tão, mas tão feliz.

Depois de pular, dançar e gritar, mas um gritinho bem baixo, eu não poderia acordar meu filho, mas depois de tudo isso eu fui tomar um banho bem quentinho e relaxante, depois do banho eu vesti meu pijama e mandei uma mensagem para o pessoal avisando que o desaparecido avia aparecido. Mas para as meninas eu tive que pedir para que elas viessem aqui, eu estava muito animada e tinha que falar com elas.

 Cait: abre a porta vadia, vai logo – ela disse batendo na porta e eu ri.

Amanda: calma menina – eu falei assim que abri a portar.

Jas: o que aconteceu? – ela disse entrando no quarto.

Amanda: nossa que alforria em! – eu ri.

Cait: vai contar ou não? – ela disse já sem paciência.

Amanda: ok, ok. Sentem – eu disse apontando por sofá.

Jas: pronto agora conta – ela disse animada.

Amanda: então depois que a gente saiu do quarto do Justin ele veio trazer o Victor, ai nós ficamos conversando e – a Cait me interrompeu.

Cait: será que da pra ir logo ao ponto – ela disse e eu ri.

Amanda: ok – eu suspirei – o Justin me beijou – eu disse com um sorriso torto no rosto e elas ficaram sem reação.

Elas: O QUE? - elas disseram, não, elas GRITARAM juntas.

Amanda: não gritem – eu disse – foi o que vocês ouviram, ele me beijou – eu disse tentando conter a felicidade.

Cait: mentira? – ela disse com os olhos arregalados.

Jas: que demais menina, será que ele gosta de você? Eu acho que sim em, pra ele ter te beijado, ele deve gostar de você só pode – ela disse sorrindo.

Amanda: eu não sei, mas, há eu não sei – eu ri – eu acho que ela não gosta de mim, sei lá, foi só um beijo, só isso, não significa que ele goste de mim – eu disse meio triste por pensar que ele possa não gostar de mim, mas também não tem nem como ele gosta de mim sendo que nos conhecemos há pouco tempo.

Cait: é pode até ser que ele não goste, mas vai que no futuro próximo ele vá se interessar por você 
– ela sorriu.

Amanda: é, vai saber, mas que foi bom foi em – nós rimos.

Jas: e você Cait? Como vão as coisas com o Ryan?

 Cait: há ta tudo perfeito – ela sorriu – ele falou que nosso piquenique vai ser amanha, eu estou tão ansiosa – ela riu.

Amanda: não se preocupe, vai dar tudo certo – eu sorri.

Jas: bom é melhor a gente ir, já ta tarde e eu to com sono – nós rimos.

Amanda: ok sua preguiçosa – nós rimos novamente – boa noite meninas, beijinhos – eu disse soltando beijos no ar.

Cait: boa noite amor – ela também soltou beijinhos no ar.

Jas: boa noite – ela fez o mesmo.

Eu fechei a porta e deitei ao lado do meu filho e fiquei o observando. Depois de um tempo eu acabei pegando no sono.

{Narração de Justin}

Eu não acredito que fiz aquilo, não acredito que a beijei. Por que eu fiz isso? Por quê? E eu nem sei por que estou ‘’reclamando’’ eu gostei, gostei mesmo. Foi tão estranho, foi tão espontâneo. 

Mas o irmão dela parece não ter gostada de ter visto eu a beijando, mas eu não ligo, o que importa é que ela correspondeu isso deve significar alguma coisa não é? Bom vai saber, ela é Belieber, é 
claro que ela iria corresponder ao beijo, afinal, é o sonho de um Belieber beijar o Justin Bieber não é?

Depois de tanto pensar eu acabei dormindo. Eu acordei bem desposo depois de uma ótima noite de sono. Eu tomei banho e me arrumei, logo depois pedi o café da manha.

(...)

Eu estava no meu quarto no tédio. Eu só consigo pensar naquele beijo, mais que droga em! Eu não quero pensar naquele beijo, eu não quero pensar nela, eu não quero me apaixonar de novo. 

Mas isso tudo parece ser tão difícil ser evitado. Eu não consigo parar de pensar no sorriso dela, no jeito como ela age comigo, os olhos dela brilhando quando ela olha para mim. Isso tudo me faz sentir uma enorme atração por ela. E mas uma vez eu me odeio pro esta pensando nela.

É melhor eu sair, quer saber eu vou falar com o Ryan, se eu não me engano ele esta com a Cait, finalmente ele tomou vergonha na cara e foi falar pra ela que gostava dela.

Assim que eu cheguei à porta do quarto dele a porta se abriu e eu vi a Amada saindo de lá rindo junto com o Ryan. O que será que eles estavam fazendo? Será que eles estavam, sei lá, se pegando lá dentro? Não isso não deve ter acontecido. E porque eu estou com essas duvidas idiotas? Quer saber esquece isso. Eu não tenho nada a ver com a vida deles não é?

Amanda: Justin?! – ela disse assim que percebeu que eu estava ali.

Justin: eu mesmo – eu sorri.

Ryan: e ai Brother? – nós fizemos um toque.

Justin: você vai sair é? – eu perguntei assim que notei que ele segurava uma sesta de piquenique na não.

Ryan: vou sim, eu tenho que arrumar umas coisas – ele disse sorrindo e olhando para a Amanda.

É talvez eles estejam se pegando mesmo, mas eu não ligo, não é mesmo? Quer saber a verdade eu 
ligo sim, o que ele esta fazendo com ela? Pra onde que eles estão indo? E não eu não estou com ciúmes.

Amanda: Ryan nós podemos chamar o Justin para nos ajudar não é? Assim nós terminamos mais cedo – ela disse o encarando.

Ryan: se ele quiser – ele me encarou

Eu não sei o que eles iriam fazer, mas eu queria ir juntos, eu queria ir pra ficar perto dela, mas ao mesmo tempo eu não queria, eu não queria me envolver.

Justin: o que vocês vão fazer? – eu perguntei curioso.

Amanda: vamos arrumar as coisas do piquenique. Lembra? – ela me perguntou.

Justin: piquenique? Não me lembro – eu disse em uma tentativa falha de me lembra.

Ryan: o meu piquenique com a Cait cara - ele disse me fazendo lembra que a Amanda avia falado disso pra mim.

Justin: há sim, agora eu lembro – nós rimos – eu ajudo sim – eu sorri.

Nós fomos até a praia, mas nós fomos a um lugar mais reservado, onde avia poucas pessoas. Nós começamos a arrumar as coisas e em poucos minutos já estava tudo pronto.

O Ryan pediu pra Amanda chamar a Cait e eu fui com ela. Ela estava tão animada, ela provavelmente sabia que aquele momento era importante pros dois, afinal, já tem um bom tempo que eles se gostam e nem um dos dois dizia nada.

Amanda: Cait abre a porta menina – ela disse batendo na porta.

Justin: calma – eu disse pegando na mão dela e evitando que ela de bater na porta – eu tenho certeza de que ela já ouviu e já ta vindo abrir a porta – eu falei.

Amanda: mais eu to batendo aqui faz meia hora e ela não vem – ela disse e eu ri.

Justin: não faz nem um minuto que você ta batendo na porta – eu disse ainda rindo, que dramática essa menina.

Amanda: ta, mas você pode soltar a minha mão – ela disse dando uma leve risadinha.

Eu a olhei meio sem graça e soltei a mão dela.

Cait: Amanda minha queria porque o escândalo? – ela perguntou assim que abril a porta.

Amanda: desculpa-me – ela deu uma leve risada – é que o Ryan pediu pra mim te chamar, já ta tudo arrumado, ele ta te esperando – ela sorriu.

Cait: AI MEU DEUS – ela disse alto, muito alto – eu tenho que encontra uma roupa – ela disse puxando a Amanda e a Amanda me puxou e nós entramos.

Amanda: calma Cait,  deixe-me ver – ela disse indo até o guarda-roupa da Cait e o abril e começou a procurar alguma roupa.

Depois de alguns minutos ela pegou uma roupa e pediu pra Cait ir provar.

Cait: e ai, ficou bom? – ela disse assim que saiu do banheiro.

Amanda: ta linda – ela disse indo até ela.

Justin: concordo você ta linda, mas vamos logo porque o Ryan já ta esperando  faz uns 15 minutos – eu disse apresando ela.

Cait: to atrasada, muito atrasada – ela disse nervosa.

Amanda: calma, deixa só eu arrumar seu cabelo e fazer uma maquiagem – ela disse sentando a 

Cait em uma cadeira.

Ela fez tudo bem rapidinho e depois a Cait saiu correndo pra ir pra praia.


Agora eu estou aqui no quarto da Amanda assistindo um filme com ela e o Victor, mas ela parece que esta em outro planeta, eu olhei pro Victor e ele estava prestando atenção no filme então eu resolvi pergunta o que estava acontecendo.

Justin: Amanda? – eu a chamei e ela não disse nada – Amanda? – dessa vez eu cutuquei ela, mas nada – ei? – eu a balancei e ela me olhou assustada.

Amanda: o que aconteceu? – ela perguntou assustada me fazendo ri.

Justin: é o que eu quero saber, você esta aérea, não esta prestando atenção no filme e eu te chamei e você não respondeu – eu disse meio baixo.

Amanda: é que eu estava pensando em ir falar com o Leo, mas eu to meio em duvido, não sei, ele estava muito bravo comigo, não sei se é uma boa idéia – ela disse no mesmo tom que eu.

Justin: bom eu acho que vocês precisão conversar, e ficar adiando isso não vai adiantar nada – eu disse.

Amanda: é eu sei – ela fez uma pausa – eu vou lá falar com ele então. Você pode ficar aqui com o Victor? Eu volto rapidinho – ela disse se levantando.

Justin: tudo bem, eu fico sim – eu sorri.

Amanda: obrigado, eu não demoro. Victor meu amor a mamãe vai ai rapidinhos ta? o Justin vai ficar aqui com você um pouquinho ta? – ela disse

Victor: ta bom mamãe – ele sorriu e voltou a presta atenção no filme.

Ela saiu e eu fique aqui com o Victor assistindo o filme. Depois de uns minutos eu ouvi algumas vozes altas, parecia ser a Amanda discutindo com alguém, e esse alguém era uma garota, o que esta acontecendo? 

Esta ai mais um capitulo, espero que gostem.
Desculpa a demora, eu estava sem criatividade :/
Cometem, eu quero saber se estão gostando da historia.

bruninha belieber : obrigado por seguir amor, vou seguir de volta e vou ler sua IB e pode deixar que eu comento também ta :D
rebeca : bem-vinda linda :)

Xoxo.
Bieber seduzindo como sempre hahahaha
SWAG!!



Quem sou eu

Minha foto
Uma garota sorridente que acreditas nos sonhos dela, e que é Belieber com muito orgulho.
Tecnologia do Blogger.

Belieber Número

You can replace this text by going to "Layout" and then "Page Elements" section. Edit " About "

Follow by Email

Seguidores